quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Os Anônimos - SOS CIDADES

CORAGEM! AMOR! TRABALHO EM EQUIPE! DESPREENDIMENTO! PURESA! FORÇA! DIGNIDADE! FRATERNIDADE!
SOS CIDADES





terça-feira, 11 de outubro de 2011

Poema da ética - por Ana Carolina, Só de sacanagem - SOS CIDADES



Série "Desastres Naturais": Avalanche - SOS CIDADES


Série "Desastres Naturais": Furacão - TV Escola - sos cidades


Armas capazes de controlar o clima? -SOS CIDADES




Série Terremotos - SOS CIDADES


Desastres naturais: o que fazer? - BLOCO 2 - SOS CIDADES


Desastres naturais: o que fazer? - BLOCO 1 - SOS CIDADES

Programa Ciência e pesquisa da Unisul TV de Tubarão - SC

 


Recur$o$ para a prevenção de desastres naturais - SOS CIDADES

Força tarefa já analisa os pedidos de recursos federais para obras de prevenção de desastres.
O objetivo é acelerar as propostas de convênios e começar a execução dos projetos. Foi o que disse, Fernando Bezerra, da Integração Nacional. 


Percepção de Risco - A descoberta de um novo olhar - SOS CIDADES

 

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Escolas terão plano de evacuação em Sorocaba (SP) - SOS - CIDADES

As escolas públicas municipais de Sorocaba, a 92 km de São Paulo, serão obrigadas a adotar um plano de evacuação para a saída segura dos alunos e funcionários em situações de emergência. É o que prevê projeto de lei aprovado hoje, em votação definitiva, pela Câmara.

Para virar lei, o projeto deve ainda ser sancionado pelo prefeito Vitor Lippi (PSDB). As escolas terão o prazo de um ano para se adaptarem às exigências que incluem rotas de fuga sinalizadas, saídas de emergência e portas antipânico. Cerca de 80 estabelecimentos terão de se adaptar à nova norma.

O autor, vereador José Francisco Martinez (PSDB), conta que o projeto foi apresentado em abril deste ano, logo após o episódio conhecido como "massacre de Realengo", em que um homem armado invadiu uma escola no Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro, e matou a tiros 12 alunos.

Segundo ele, se a escola fosse dotada de rotas de fuga a proporção da tragédia poderia ter sido menor. De acordo com o projeto, cópias de um croqui com o plano de emergência devem ser afixadas em locais de fácil visualização e a direção da escola deve realizar simulações periódicas de evacuação do prédio.

Audiência discutirá prevenção a desastres naturais em Santa Catarina - SOS CIDADES



 A Comissão Especial sobre Medidas Preventivas diante de Catástrofes Climáticas realiza nesta tarde audiência pública para discutir medidas de prevenção a desastres naturais e ações de defesa civil em Santa Catarina. No mês passado, por causa das fortes chuvas que atingiram o estado, dez cidades decretaram situação de emergência e uma de calamidade pública. Em 2008, mais de 100 pessoas morreram no estado em decorrência de chuvas e enchentes, a maioria delas atingida por deslizamentos de terra.
A audiência de hoje foi solicitada pela deputada Luci Choinacki (PT-SC) e pelos deputados Jorginho Mello (PSDB-SC) e Onofre Santo Agostini (DEM-SC). “Se não podemos deter a força da natureza, podemos ao menos nos prevenir para que, na iminência de um desastre, a população saiba como se defender”, disse Melo.
Foram convidados para o debate:
- o tenente-coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior, comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar de Santa Catarina;
- o secretário-adjunto de Defesa de Santa Catarina, major da PM Márcio Luiz Alves;
- o diretor de Recursos Hídricos da Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina, Edson Pereira Lima.
A audiência será realizada às 14h30, no Plenário 16

Defesa Civil quer cadastrar líderes comunitários para avisar sobre enchentes - SOS CIDADES

A Defesa Civil de São Paulo vai fazer um cadastro dos líderes comunitários nos municípios para passar informações diretas sobre a previsão de enchentes durante o período de chuvas. Segundo o capitão Fauzi Salim Katibe, essas pessoas vão receber avisos sobre previsões meteorológicas e possibilidades de desastres por meio de SMS. O sistema já funciona com agente da Defesa Civil, mas a comunicação direta com a comunidade começará a ser feita este ano.

Durante apresentaçãoo do plano de operação da Sabesp para as represas no período de chuvas, na manhã desta terça-feira (4), o tenente Marcelo Kamada disse que o mesmo sistema vai ser usado para avisos sobre aberturas emergenciais de comportas de reservatórios. De acordo com o tenente, o líderes saberão com cerca de 12 horas de antecedência sobre o aumento do nível dos rios.

- Essa informação era passada por contato telefônico até o ano passado. O SMS tem uma velocidade muito maior e pode pegar a pessoa a qualquer hora do dia.

Outra novidade da Defesa Civil para a prevenção de catástrofes causadas pelas chuvas é a criação do Sindec (Sistema Nacional de Defesa Civil). O site, que foi criado este ano, vai funcionar como um banco de dados alimentado pelos municípios. De acordo com Catibe, o cruzamento desses dados com estudos sobre alagamentos em cada região poderá aumentar o tempo de resposta em situações de emergência.

- No futuro, queremos olhar para esses dados e poder dizer que em tal rua já choveu acima da capacidade máxima. Assim poderemos dar uma resposta mais rápida.

Catibe alertou, entretanto, que qualquer melhora no sistema de atuação da Defesa Civil não é suficiente se não houver uma melhora na conscientização da população. Segundo ele, muitas vezes o alerta de retirada das áreas é dado, mas as pessoas esperam até o último minuto para sair.

Para o capitão, esse problema cultural dificultou os trabalhos durante as enchentes que atingiram Santa Catarina no último mês. Catibe disse que o serviço de meteorologia previu a chegada de um furacão, mas as pessoas não acreditaram no aviso e demoraram para tomar uma iniciativa.
- O ideal seria que a população atendesse os primeiros alertas da Defesa Civil.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Japão: Mini arca de Noé contra desastres naturais - SOS CIDADES

 



 
Uma pequena embarcação hermética e de forma redonda promete agir como uma verdadeira arca de Noé e salvar famílias até quatro pessoas de acidentes naturais como os tsunami.

"Noah" - um abrigo redondo e amarelo, em forma de bola, construído pela empresa japonesa Cosmo Power - foi desenvolvido há quatro anos para enfrentar desastres naturais como os maremotos. No entanto, na altura da sua apresentação, o dispositivo não teve grande sucesso.

Mas depois do último tsunami - que deixou mais de 20.000 pessoas mortas ou desaparecidas – as encomendas não param de chegar à empresa e a invenção da Cosmo Power passou a fase de protótipo estando já a ser produzida e comercializada.

O engenho foi submetido com sucesso a inúmeros testes de resistência e é feito de fibra de vidro altamente resistente que a empresa garante ser à prova de qualquer desastre. Para casos de inundações, esta bolha tem um sistema de ventilação e uma janela que permite visualizar o que se passa no exterior.

O presidente da empresa, Shoji Tanaka, disse à agência Associated Press que este “é o único abrigo capaz de proteger contra qualquer tipo de desastre natural”.

Desde setembro, quando chegou ao mercado, já foram vendidos 600 exemplares do Cosmo Power. A bolha amarela está à venda por cerca de 3000 euros.

Reunião em Florianópolis com a defesa civil do estado de Santa Catarina e o programa de ajuda humanitária SUD Mãos que ajudam - SOS CIDADES

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

A Pizza que aumentou nossa fé certa noite - SOS CIDADES

Certa vez eu liguei para uma pizzaria após um dia de muito trabalho para alegrar meus filhos e minha esposa, eram umas 21:30 mas a pizza não chegou até as 00:12 do outro dia.
Mantive-me calmo liguei para a pizzaria e expliquei o que havia acontecido e disse que a minha família toda já havia dormido e perderam a pizza que veio fria depois de quase 3 horas de espera.
Depois de algum tempo nós já não moravamos mais naquele endereço e em um dia em que tudo parecia estar dando errado desde o início do dia, quando a noite chegou minha esposa, nossos filhos e eu estavamos famintos, tinhamos sim o que comer em casa, porém nosso desejo era de comer uma pizza e não tinhamos  naquele momento dinheiro algum para pagar pelo desejado; mesmo sem esperança; sem que minha esposa percebesse fiz uma oração humilde naquela situação de vontade de comer a desejada pizza e fadiga... então disse à minha esposa que iria sair para ver se conseguiria algum dinheiro emprestado para comprar a tal pizza para nossos filhos e nós sacearmos a fome e a vontade.
Quando cheguei até a esquina da rua onde moravamos, senti o vibrar do meu telefone celular, não reconheci o número mas para minha grande e espantosa surpresa, era daquela pizzaria do evento triste que contei, e uma voz feminina perguntou se estava falando com Fabiano Correia e pediu para eu confirmar meu endereço e em seguida falou algo que jamais esquecemos: " Quais os sabores da pizza você quer para que nós enviemos até sua casa? É inteiramente gratis para o senhor." quase nem acreditei mas pulei de alegria e corri disparadamente para casa onde contei para minha esposa que me abraçou e juntos agradecemos pela generosidade de nosso Pai Celestial.
Mesmo que não estavamos passando fome, pois tínhamos o que comer e com o que alimentar nossos filhos, mas Ele foi tão carinhoso com nossa família ao nos mostrar que podemos receber bençãos que nem imaginamos ser possível e válido perante o Senhor.


Sete estados receberão R$ 443 mi contra cheias - Santa Catarina está na lista - SOS CIDADES

Sete estados vão receber R$ 443 milhões até 2013, para investimentos em serviços contra inundações, como canalizações de córregos, dragagem de canais, construção de galerias pluviais, bocas de lobo, pavimentação das ruas, contenção de encostas, desassoreamento e recuperação de sistemas de drenagem.

Os investimentos são provenientes do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Mais de 1,5 milhão de pessoas se beneficiarão com as obras. O Rio de Janeiro será contemplado com R$ 92 milhões para a recuperação do sistema de drenagem na Baixada Campista, o que beneficiará 390 mil pessoas.

Em Pernambuco, haverá recuperação da bacia do rio Paratibe, na cidade de Paulista, no Grande Recife. A bacia será drenada, protegendo 100 mil pessoas. Salvador também terá prevenção de desastres. No Sul, Santa Catarina é o Estado com mais obras em planejamento, com nove no total, beneficiando mais de 130 mil pessoas. (das agências de notícias)

ENTENDA A NOTÍCIA


Assim como ocorre quase todo ano, as chuvas atingiram milhares de brasileiros em 2011. Parte dos prejuízos poderia ter sido evitada com investimentos em prevenção de desastres.

“Mudanças climáticas, desastres naturais e prevenção de riscos”. - SOS CIDADES

Em sua terceira edição em Uberlândia, a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia será realizada entre os dias 17 e 23 de outubro, com o tema: “Mudanças climáticas, desastres naturais e prevenção de riscos”. A cerimônia de abertura da Semana acontecerá no dia 17, às 9 horas, no anfiteatro A do bloco 5 O, no campus Santa Mônica da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com a presença do coordenador-geral do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), professor doutor Osvaldo Moraes.

Em palestra, ele falará sobre a meteorologia e sua contribuição à prevenção de desastres naturais. O secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), doutor Ronaldo Mota, também estará presente na Semana participando da IV Semana da Física e marcando a inauguração do novo espaço do Museu Diversão com Ciência e Arte (Dica), da UFU. A partir das 21 horas do dia 17, no anfiteatro do bloco 5 O da UFU, Mota abordará o papel da inovação na sociedade contemporânea.

De acordo com a coordenadora do evento em Uberlândia, professora Sílvia Martins, a programação da Semana não se restringe ao tema central, envolvendo todas as áreas do conhecimento. “A proposta é que a ciência, a tecnologia e todas as atividades sejam apresentadas de forma interativa, para que a sociedade tenha acesso a esse conhecimento, associando-o ao seu dia a dia”, observa. Durante o evento, está prevista a realização de palestras, oficinas, visitas técnicas, feira Ciência Viva, ciência no parque e apresentações culturais. Paralelamente, acontecerão, além da IV Semana da Física, a Semana de Iniciação Científica da UFU, a IV Semana Multidisciplinar do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro (IFTM) e as feiras de ciências nas escolas.

A Semana contará com a participação do Batalhão do Corpo de Bombeiros de Uberlândia e da Polícia Militar, do Instituto Estadual de Florestas (IEF) e da Cemig, que promoverão, respectivamente, atividades interativas sobre prevenção de riscos, uso consciente de recursos hídricos e energia elétrica.

As atividades da Semana são gratuitas e toda a população poderá participar. Segue anexo com os destaques da Semana. A programação geral do evento pode ser conferida no endereço eletrônico: http://sctuberlandia.blogspot.com/.

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é promovida anualmente em todo o país, desde 2004, sob a coordenação do MCTI. Em Uberlândia, a Semana foi lançada em 2009, por iniciativa da Diretoria de Comunicação Social da UFU e do Museu Dica,  envolvendo instituições públicas e particulares da cidade. Neste ano, a Semana é uma realização da UFU, da Prefeitura Municipal de Uberlândia (PMU) e do IFTM, e conta com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), da Fundação de Apoio Universitário (FAU), da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg - Regional Vale Paranaíba) e da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub).

Em 2010, a cidade de Uberlândia liderou a maior mobilização do Estado de Minas Gerais, com a realização de 467 atividades, ocupando o terceiro lugar entre os municípios brasileiros, segundo registros do MCTI. As atividades estão divulgadas na revista relatório disponível no endereço:



Museu Diversão com Ciência e Arte
Instituto de Física
Universidade Federal de Uberlândia
Telefone:  (34) 3230-9517

E-mail: dicacomunica@infis.ufu.br

Veja a animação no qual Tóquio é destruída por um terremoto - SOS CIDADES


O intuito dessa animação, é que as pessoas vejam e sintam a magnitude dessa situação e assim possam se preparar da melhor forma possível a sobrevivência nesse dia de destruição e caos geral, pois segundo o governo, existe uma probabilidade de cerca de 70% de que um grande terremoto atinja a região de Tóquio nos próximos 30 anos.
Especialistas costumavam achar que o sismo não seria superior a uma magnitude de 7,3, mas depois do terremoto 11 de março, eles não estão mais com tanta certeza. A previsão de 70% podem também ser revistos, uma vez que o aumento da atividade sísmica parece ter aumentado nos últimos tempos.

1° de Setembro no Japão, dia da prevenção de desastres - SOS CIDADES

Desde 1960, dia 1 de setembro se tornou o Dia de Prevenção de Desastres ( Bousai no Hi ) no Japão. Essa data foi escolhida porque é o aniversário de um grande terremoto de magnitude de magnitude 7,9 que devastou Tóquio em 1923, onde estima-se que cerca 150 mil pessoas tenham morrido.
Não é considerado um feriado nacional, porém nesse dia são feitos diversas atividades com a população para ensinar-lhes como proceder diante de um desastre natural. Nesse dia, nas escolas japonesas, além das homenagens às vítimas, também são feitos treinamento de evacuação.

Esse é o principal objetivo nesse dia: Preparar as pessoas para todos os desastres naturais, incluindo os tufões, muito comuns nessa época do ano. Em todo o Japão, os governos municipais organizam exercícios e treinos para esquadrões anti-incêndio, moradores, empresas e a população geral.

Para ajudar a difundir o conhecimento, foi feito uma animação computadorizada de uma simulação de um grande terremoto destruindo a cidade de Tóquio. Nessa animação, financiado pelo governo, mostra milhares de edifícios em colapso ou pegando fogo, e a situação de milhões de pessoas incapazes de regressar às suas casas devido à infraestrutura de transporte destruída pelo desastre. http://www.japaoemfoco.com/bousai-no-hi-dia-da-prevencao-de-desastres/

Mensagem Mórmon- SOS CIDADES

“Nosso Pai Celestial criou esta linda Terra, com toda sua abundância, para o nosso benefício e uso. Seu propósito é o de prover nossas necessidades ao seguirmos com fé e obediência. Ele nos ordenou amorosamente que ‘[preparássemos] todas as coisas necessárias’ (ver D&C109:8) para que, caso sobreviesse a adversidade, pudéssemos cuidar de nós mesmos e de nossos vizinhos e apoiar o bispo à medida que ele cuida de outras pessoas.
Incentivamos os membros da Igreja em todo o mundo a preparar-se para as adversidades da vida, fazendo um armazenamento básico de mantimentos e água e uma poupança em dinheiro.
Pedimos que sejam sábios ao armazenarem mantimentos e água e ao fazerem uma poupança. Não cheguem a extremos; não é prudente, por exemplo, fazer dívidas para conseguir um armazenamento imediato. Com planejamento cuidadoso, com o passar do tempo, organizem um estoque de mantimentos e uma reserva financeira.”

Sobral - CE Vítimas de enchentes recebem ajuda humanitária dos Mórmons - SOS CIDADES


O prefeito de Sobral, Leônidas Cristino, recebeu na tarde desta terça-feira (19) em seu gabinete uma visita de membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Mórmons), que vieram oferecer auxilio humanitário as vítimas das recentes enchentes do Rio Acaraú. Segundo o presidente da Estaca de Sobral da Igreja, José Silvestre, a ajuda está sendo enviada pela sede da Igreja, em Salt Lake City, nos Estados Unidos, atendendo a uma solicitação dos membros da congregação em Sobral.
Segundo o prefeito Leônidas Cristino, a ajuda em forma de alimentos, material de construção e mão de obra (engenheiros, pedreiros e eletricistas) serão importantes na recuperação de moradias, praças, escolas e demais prédios públicos danificados pelas cheias do Acaraú.

PS - Estiveram presente ao encontro, além de José Silvestre, o sr. César Oliveira – representante regional de Bem Estar (CE/PI), o sr. Técio Alcoforado – diretor regional de Assuntos Públicos (CE/PI), o sr. Fernando Sousa - representante regional de Emprego, o sr. Ernane Linhares – representante local de Assuntos Públicos, e o coordenador da Defesa Civil de Sobral, Jorge Trindade.

domingo, 2 de outubro de 2011

A Conferência Geral - SUD - SOS CIDADES


Em mais uma iniciativa de serviço o programa "INTEGRAÇÃO CIDADE AZUL" na rádio bandeirantes 1090Tabajara AM de Tubarão-SC fará a trasmiçãssão do áudio "AO VIVO E EM TEMPO REAL" apartir das 12 horas de hoje na frequencia 1090 AM para o litoral sul de Santa Catarina sob a supervisão de Fabiano Correia e sob a presidência da estaca Tubarão com o presidente José Deolíndio da Silva e uma promoção do 1° Programa Mórmon do rádio brasileiro "INTEGRAÇÃO CIDADE AZUL" que vai ao ar semanamente às terças feira das 20 às 22 horas no link: www.bandeirantes1090.com.br ou clique na imagem ao seu lado direito da tela.

sábado, 1 de outubro de 2011

Planejando a vida financeira da família - SOS CIDADES


   Para conseguir um bom controle orçamentário, você deverá administrar todos os gastos e envolver todos que fazem parte das despesas. A esposa e filhos, por exemplo devem estar envolvidos e ter consciência da necessidade de manter um padrão orçamentário. Com isso todos saem ganhando.
    Fazer um controle das despesas, não significa que a família terá que passar necessidades, ou ficar "apertada". Fazer um planejamento financeiro facilitará a compra de um carro novo, um computador para seu filho, fazer aquela viagem tão sonhada, ou aquele curso que permitirá crescer profissionalmente e melhorar a renda familiar.
    Planeje muito bem seu orçamento. Veja quais são os gastos necessários e o quanto poderá ser gasto. Estabeleça regras e defina quais são as prioridades, dando destaque ao que é mais importante. Colocando outras necessidades mais para frente. Por exemplo, se você tem uma boa geladeira, mas mesmo assim precisa ser trocada por uma maior e, ao mesmo tempo precisa de um microondas. Porque não comprar o microondas e adiar a compra da geladeira?
    Você precisa ter um plano de gastos ou aplicações, evitando furos, pois juros de cheque especial, ou retiradas de aplicações podem gerar perdas.
    Você deve encarar os problemas financeiros de maneira objetiva.
    Para que o orçamento possa funcionar, você deverá considerar os desejos e objetivos de todas a pessoas da família.
    Seu planejamento deve ser realista. Não pense que a redução poderá ser radical. Você deve contar com possíveis manutenções em sua casa, trocas ou consertos de eletrodomésticos, etc, ou seja eventualidades. Todos os gastos deverão passar por uma analise criteriosa. Não elimine simplesmente. Pense se a eliminação de um item em seu orçamento poderá comprometer outros objetivos.
    Administrar sua vida financeira, significa gastar dentro dos limites do que se ganha.
    Para obter bons resultados, você precisará ser firme e constante, até conseguir o seu objetivo ou a meta.

    A vida tem imprevistos. Sempre que houver alguma mudança, avalie o impacto e procure reprogramar-se. Isso é comum em qualquer plano e não quer dizer que tudo se pretende não vai ser realizado.



Caiu a ficha?


quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Armazenamento e conserva de Água - SOS CIDADES




Recomenda-se armazenar água para duas semanas no mínimo. A quantidade recomendada é de 30 litro para beber e 30 para asseio pessoal. Num total de 60 litros por pessoa.
Ferva a água por 5 minutos, coloque num recipiente e adicione 2 gotas de hipoclorito de sódio (cloro) para cada litro ou ½ colher de chá para cada 20 litros. (para ter segurança na armazenagem verifique se a concentração do cloro é de 5% ) . Outra maneira é usar HIDROSTERIL, uma gota para cada litro de água.

Armazenamento de cereais e grãos para conserva de longa data - SOS CIDADES

Todos os grãos devem ser de boa qualidade, bem escolhidos, sem umidade e sem pó.
Para retirar o pó, esfregue os grãos num pano limpo, usando somente para este fim. Existem duas maneiras para secar os grãos quando forem comprados em meses de maior umidade ou dias chuvosos:
1- Colocá-los numa assadeira e expô-los ao sol até secarem. (2 a 3 horas)
2- Ou então, acender o forno por + ou – 20min deixar esquentar bem, desligue, coloque os grãos dentro de uma assadeira e ponha no forno até que ele esfrie mexa de vem em quando, até estarem totalmente sequinhos.

Processo de queima de oxigênio

Colocar os grãos no vasilhame até 05 cm da borda. Fazer com pedaço de papel alumínio um copinho, colocar dentro algodão embebido no álcool, coloque sobre os grãos, colocar fogo e em seguida fechar o vasilhame com o algodão ainda queimando. O fogo apaga e não há mais oxigênio dentro do interior do vasilhame, passe fita crepe e vela derretida (parafina derretida) para vedar bem.
Obs. Se a tampa for de plástico, ela deve ser protegida na parte interior com um pedaço de papel alumínio.
Processo com garrafas plásticas (refrigerante, etc..)
Colocar os grãos na garrafa numa altura de 4 dedos, acrescentar 3 dentes de alho de boa qualidade com a casca, repetir o processo até que a garrafa esteja totalmente cheia de um batidinha para que não haja nenhum espaço vazio, tampe a garrafa, passe fita crepe na tampa para ficar bem vedada.
Uma boa conservação e em lugar seco pode durar até 10 anos.

Obs: para grãos pode-se usar a técnica depreenchimento, socar bem dentro da garrafa pet para que os grãos possam preencher bem o espasso de dentro da garrafa  e não precisar de nenhum outro produto para a concerva.

Material necessário para este tipo de armazenamento são:

1- Garrafas plásticas - lavadas e esterilizada com álcool e bem secas.
2- Alhos do tipo médio (o suficiente para a quantidade de grão)
3- Fita crepe.
4- Funil (para facilitar a colocar os grãos nas garrafas)

terça-feira, 27 de setembro de 2011

O problema não é meu!! - SOS CIDADES

Assuma a responsabilidade!!

Plano de emergência - Conceito - SOS CIDADES

Preparação Pessoal e familiar – SOS CIDADES

Criar um plano:

• Pelo menos uma vez por ano, faça uma reunião com membros da família para criar ou para atualizar o plano de como cada pessoa da família irá responder durante uma de emergência.



Desenhe uma planta da sua casa, mostrando a localização das saídas (portas e janelas), localização dos kits de primeiros socorros, suprimentos de mergência, ferramentas, vestuário, etc. Certifique-se que cada pessoa esteja familiarizados com o plano.


• Discutir locais alternativos de reunião e estratégias se uma catástrofe ocorrer  quando você não estão em casa.


• Familiarizar-se com as políticas e planos de desastre nas escolas de seus filhos e seu cônjuge ou companheiro de casa no local de trabalho (s).


• Fazer / atualizar uma lista de endereços chave e números de telefone e garantir que cada membro da família tem uma cópia. Lembre-se de cautela a todos que o telefone deve ser utilizado apenas durante uma emergência, se houver uma necessidade premente de contactar a polícia, o corpo de bombeiros, pessoal médico de emergência, empresas de serviços públicos, das crianças escolas, etc

• Discutir os temores de cada pessoa e formas de minimizar esses temores por meio de planos e estratégias.


segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Medidas preventivas para quem mora em terreno de encosta - SOS CIDADES

Não desmate, pois as árvores e outras vegetações servem para conter os deslizamentos. Mas fique atento: bananeiras concentram muita água e têm raízes rasas. Procure orientação técnica, da Secretaria de Meio Ambiente.

¨  Antes de construir, procure a orientação da Prefeitura. A maneira correta é fazer um patamar, pois o corte na encosta pode deixar o terreno mais instável e sujeito a desbarrancar. 


¨  Canos de água com vazamento, esgoto a céu aberto, valas obstruídas e acúmulo de lixo contribuem para os deslizamentos de terra. 
¨  Trincas no chão e nas paredes indicam problemas de estrutura e risco de queda. Muros com estrutura estufada também indicam problema de movimentação de terra e, portanto, risco de cair. 
¨  Fique atento para sinais de perigo, como árvores, postes ou muros inclinados, rachaduras ou trincas no terreno e água barrenta. É preciso procurar a vistoria de especialistas.

Ciclone tropical, ventos fortes - SOS CIDADES

Existe uma diferenciação básica entre tufão, ciclone e furacão embora os três termos descrevam o mesmo tipo de fenômeno.

¨   
   O ciclone caracteriza-se por ser uma tempestade violenta em regiões tropicais ou subtropicais quando os ventos superam os 103 a 119 km por hora. Acima de 120 km, Ciclone tropical.

¨   
   O furacão já possui uma velocidade maior que 199 km por hora e costumam girar no sentido horário no hemisfério sul e no sentido anti-horário no hemisfério norte. São comuns no mar do Caribe ou nos EUA, chegando a medir de 200 a 400 km de diâmetro.
¨   
   O tufão é o nome dado aos ciclones no sul da Ásia e na parte ocidental do oceano Índico tendo as mesmas características de um furacão.

¨ Por último, existe o tornado, o mais forte de todos os fenômenos meteorológicos. Embora menor que os anteriores a velocidade dos ventos costuma atingir 490 km por hora nas zonas temperadas do hemisfério norte alcançando um poder de destruição enorme.
 Preparação Geral para Tempestades e ventanias
O início da temporada de verão é um bom período para:
¨  Verificar o seu Kit de Emergência Caseiro, rever e atualizar números de telefone de emergência.
¨  Informar-se sobre o plano de evacuação da sua comunidade com os líderes eclesiásticos locais da sua ala ou estaca. Ou da empresa que você trabalha.
¨  Formular planos para a proteção da sua casa, especialmente o telhado, janelas e portas.
¨  Podar os galhos mortos ou fracos das árvores.
Antes de uma tempestade chegar:
¨  Se possível encha o depósito de gasolina do seu carro.
¨  Feixe as janelas da sua casa.
¨  Guarde ou arrume objetos que estejam soltos na sua propriedade.


Pandemia - SOS CIDADES

Para se Preparar Para Uma Pandemia
¨   Assegure-se de que a sua família tenha um kit de emergência.
¨   Se tiver crianças pequenas, tenha um plano alternativo para elas no caso das escolas terem que fechar.
¨   Faça planos para membros da família que tenham necessidades especiais.
Durante uma Pandemia
¨   Lave as mãos com freqüência com sabão e água. Quando sabão e água não estiverem disponíveis, utilize álcool em gel.
¨     Mantenha-se longe de pessoas que estejam doentes.
¨       Não vá para o trabalho ou para a escola se estiver doente.
¨       Tape a sua boca e nariz quando tossir ou espirrar.
¨   Se utilizar um lenço descartável, atire-o para o lixo logo depois de usá-lo e depois lave as mãos.

Perda de Eletricidade - SOS CIDADES

Se Uma Perda de Eletricidade Estiver Eminente
 ¨     Encha o depósito de gasolina do seu carro. (As bombas de gasolina são elétricas)
 ¨  Assegure-se de que tem lanternas e pilhas suficientes.
 ¨         Assegure-se de que tem comida que não precise de refrigeração nem de aquecimento.

  ¨   Encha a sua banheira com água para usar para lavagens e limpezas.

  ¨   Encha recipientes limpos com água potável.
Se Não Houver Eletricidade 

¨  Utilize apenas luzes operadas a pilhas para ver. Não use velas nem outras chamas desprotegidas.





 
   ¨  Desligue qualquer eletrodoméstico ou equipamento que estiver sendo utilizado quando a eletricidade baixou.
   ¨     Evite abrir o frigorífico ou o congelador (para conservar a temperatura de dentro).
   
   ¨   Não utilize um gerador dentro da casa ou da garagem.
     
   ¨     Se a eletricidade estiver desligada por mais de quatro horas, prepare, coma e ou distribua os alimentos que possam estragar, tal como carnes, aves domésticas, peixe, queijos moles, leite, ovos, e sobras para que não haja desperdícios.
   ¨    Ferva a água da torneira durante um minuto ou mais antes de usá-la para beber, preparar comida, lavar louça ou dar banho em crianças pequenas.





Cheias e enchentes - SOS CIDADES

Durante uma Advertência de Cheias
 ¨Assegure-se de que todos os membros da sua família tenham uma lista de contatos de emergência, e identificação no caso de ficarem separados.
 ¨Assegure-se de que os seus documentos importantes estejam em recipientes à prova de água.
Durante um Aviso de Cheias
¨  Se lhe mandarem evacuar, siga todas as instruções imediatamente.
¨  Ouça as estações de radio locais para obter novas informações, direções, indicações e saber das condições das estradas.
¨  Mantenha contato com o seu líder do sacerdócio designado para lhe auxiliar.




¨  Tenha cuidado com as águas das cheias. 50 cm de água são suficientes para arrastar um carro, apenas 15 cm de água, corrente rápida, são suficientes para derrubar uma pessoa.
Antes da enchente 
¨  Ao sinal de chuva, procure suspender móveis e eletrodomésticos, evitando o contato com a água.

¨  Desligue equipamentos elétricos da tomada e a chave geral, válvula do botijão de gás e feche o registro de entrada de água. 
¨  Verifique a origem de rachaduras nas paredes e no chão. 
¨  Faça revisões periódicas no telhado e nas calhas para evitar problemas como goteiras. 
¨  Mantenha o lixo em local alto para não piorar a situação da enchente.

Durante uma enchente 
¨  Procure abrigo em local alto e seco, fora do contato com a água. 
¨  Evite mudar de lugar para não ser levado pela enchente ou pisar em buracos.

¨  Permaneça calçado.

Depois da enchente 
¨  Não se arrisque em lugares inundados. 
¨  Descarte os alimentos e outros produtos que estiveram em contato com a água.

¨  Não use água de poços ou fontes. 
¨  Limpe os locais atingidos pela chuva e lama usando luvas e botas, desinfetando objetos numa mistura de um copo de água sanitária para 20 litros de água.